Entrevista sobre TV Digital para a UnisulTV

Padrão

No dia 21/11/2013 foi ao ar na UnisulTV, a minha entrevista sobre TV Digital no programa Ciência e Pesquisa do Prof. Dr. Gilson Rocha Reynaldo. Foi uma honra participar do programa, onde pudemos discutir sobre o papel da TV Digital na sociedade brasileira e sanar algumas dúvidas sobre a digitalização da TV. Por coincidência, semanas após a exibição, a nossa cidade recebeu o sinal de mais um canal de TV digital. Sendo assim o programa cumpriu com o seu papel de trazer à tona este tema para a comunidade.

Seguem abaixo os três blocos do programa:

Bloco 1:

Bloco 2:

Bloco 3:

Experimento Digital para Transmissão Interativa de Jogos de Futebol

Padrão

Tive a oportunidade de novamente ter um artigo publicado no Simpósio Internacional de Televisão Digital (SIMTVD), agora na segunda edição do evento, na UNESP em Bauru.

Desta vez o artigo foi em parceria com os alunos Vitor Freitas Santos (multiplicador do Ginga Brasil) e Marcos Paes Peters, fruto de um trabalho onde foi desenvolvido um protótipo de uma transmissão interativa de um jogo de futebol em Ginga-NCL.

 

Experimento Digital para Transmissão Interativa de Jogos de Futebol

Ranieri Alves dos Santos
Vitor Freitas Santos
Marcos Paes Peters

Resumo
O presente trabalho apresenta uma abordagem interativa baseada na televisão digital para a veiculação das transmissões interativas com cunho esportivo. A gênese deste trabalho se baseia na necessidade pela dinamização das transmissões esportivas dos eventos que o Brasil sediará como a Copa do Mundo de Futebol em 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016. A televisão digital provê qualidade, mobilidade e interatividade para a televisão, sendo que a totalização do sinal digital no país está com previsão para os mesmos anos onde ocorrerão os eventos esportivos sediados no Brasil. Desta forma, estes fatos imprimem a real necessidade do uso da interatividade como fator diferenciador das transmissões brasileiras digitais e interativas na Copa do Mundo e nas Olimpíadas. Para tanto, este artigo, fruto de um projeto de pesquisa em tecnologias digitais expõe os resultados obtidos com o desenvolvimento de um aplicativo interativo para a TV digital utilizando as tecnologias nacionais para a criação de um novo modelo para a exibição de programas esportivos na televisão. O presente projeto é de natureza qualitativa, pois estudou aspectos práticos investigando sobre a eficácia de métodos interativos em transmissões esportivas, e terá caráter bibliográfico e exploratório, já foi composto pelo estudo do estado da arte das transmissões interativas televisionadas. Após a etapa inicial de estudos, foram elaboradas as abordagens interativas, utilizando como base os avanços alcançados na pesquisa bibliográfica e exploratória para o desenvolvimento dos modelos interativos. Com os modelos conceituais construídos, foi elaborado o protótipo para o aplicativo a fim de exemplificar e validar os modelos propostos pelo projeto.
Palavras-chave: esportes, transmissão, interatividade, digital;

Arquivos
Download do Artigo Publicado (PDF – 541KB)

Ginga Brasil – PUC-Rio

Padrão

A fim de impulsionar o uso da Linguagem NCL e do Ginga, middleware brasileiro de interatividade de TV Digital, o laboratório TeleMidia da PUC-Rio, grupo responsável pelo desenvolvimento destas tecnologias criou o programa Ginga Brasil. Este programa consiste em uma capacitação em Desenvolvimento de Conteúdo Audiovisual Interativo para o Ginga-NCL formando multiplicadores que compartilharão o conhecimento em programação com NCL pelo país.

A capacitação inicial, onde seriam treinados os multiplicadores ocorreria na PUC-Rio com os próprios responsáveis pelo Ginga-NCL do laboratório TeleMidia. E visando aprofundar meus conhecimentos em NCL e difundir a tecnologia em nossa região resolvi participar inscrevendo dois alunos meus (Leonardo Thizon Waterkemper e Vitor Freitas Santos), e para a nossa alegria fomos selecionados para o programa.

Ao descermos no Rio de Janeiro pegamos um taxi-contador-de-histórias-guia-turístico que nos mostrou vários pontos turísticos da cidade, praias e detalhes de suas amizades com artistas globais, o que transformou uma viajem de poucos minutos em uma recepção agradável que nos prepararia para os próximos dias. Ao chegarmos nas dependências da PUC na Gávea logo percebemos uma grande movimentação, átipica para nossos padrões, visto que era período vespertino em uma universidade em época de férias, realmente estávamos em um ambiente novo. Após atravessarmos o saguão dos pilotis, local que serviu de cenário para cenas do filme Tropa de Elite, chegamos no laboratório TeleMídia, onde fomos gentilmente recebidos pelo prof. Luiz Fernando Gomes Soares e seu time de alunos.

Leonardo, Vitor, Prof. Luiz Fernando, Ranieri

Leonardo, Vitor, Prof. Luiz Fernando, Ranieri

Nos dias seguintes participamos do treinamento de 40 horas juntamente com participantes de todo o país. Todo o curso foi ministrado pelo próprio prof. Luiz Fernando, apelidado no Brasil como o “pai do Ginga”, uma figura muito carismática que com o auxílio dos seus alunos que trabalham no TeleMidia conduziu com primor o treinamento, motivando e ensinando os futuros multiplicadores sobre as funcionalidades da linguagem NCL. Com exercícios claros e com uma didática exemplar o prof. Luiz Fernando conduzia a aula enquanto sua equipe de alunos do TeleMidia servia à turma como monitores, sempre muito solícitos em ajudar e demonstrando muita fluência no tema.

Como ficamos hospedados na PUC-Rio pudemos participar do dia a dia da universidade. Uma ótima experiência, pois convivemos em um ambiente acadêmico em época de férias, que não parou por um só segundo. Era comum encontrarmos alunos estudando, pesquisando e trabalhando em seus projetos até altas horas. Na mesma época ocorriam outros dois ou três eventos, a equipe de robótica não parava de trabalhar, e haviam estudantes por todo o lado trabalhando e estudando, algo realmente inspirador.

Já que no final de semana tivemos tempo livre, aproveitamos para conhecer a cidade do Rio. No sábado fui na histórica IASD do Botafogo, no Parque Laje, na Casa de Rui Barbosa, passei pela Lagoa Rodrigo de Freitas, e em algumas praias como a de Copacabana, Ipanema e do Leblon. E junto com meus alunos, no domingo fizemos uma expedição entre taxis e vans, e chegamos ao Cristo Redentor.

Conhecer o Rio de Janeiro e participar de um treinamento do próprio laboratório TeleMidia, aprendendo com profissionais que estudei, li e utilizei suas publicações em trabalhos anteriores realmente foi uma experiência incrível. Porém, o grande destaque foi ter a experiência de conviver e conhecer de perto a equipe do laboratório. Neste curso não aprendemos apenas o conteúdo, mas recursivamente aprendemos a ensinar, com o exemplo de dedicação e cidadania impresso pelo prof. Luiz Fernando e sua equipe unindo liderança, conhecimento e humildade.